Palmilha de silicone: Qual a importância nos cuidados com a saúde

O texto a seguir foi escrito, enviado por uma assessoria de imprensa e publicado gratuitamente. 
O conteúdo não reflete necessariamente minha opinião sobre o serviço ou produto mencionado.

Existem algumas profissões em que ficar de pé por muito tempo acaba sendo uma exigência. Se essa atividade for recorrente, é possível que a pessoa sofra de problemas na coluna, pernas e pés, uma vez que são essas as partes que acabam sofrendo toda a pressão de sustentar o corpo contra o chão.

Porém, esse problema pode ser atenuado com o emprego de um produto prático e econômico: a palmilhade silicone. Confeccionada de um material moldável e confortável de pisar, ela pode ser colocada em qualquer tipo de calçado.

Até por isso que os diferentes modelos de palmilhas ortopédicas acabam sendo bastante comuns entre os brasileiros, uma vez que eles ajudam justamente em problemas como a dor na coluna.

De acordo com um estudo da Escola Nacional de Saúde Pública, em parceria com a Fundação Oswaldo Cruz, 36% da população possui algum tipo de trauma na coluna vertebral ou na lombar, que causam dores nessa região.

Em relação ao mundo, os números ficam mais alarmantes ainda. Pelas estatísticas da OMS (Organização Mundial da Saúde), estima-se que 80% da população do planeta passará por algum tipo de dor na coluna, em algum momento da vida.

Pensando nisso, o blog te trouxe algumas informações importantes sobre porque é necessário se utilizar de uma palmilha de silicone confortável.

Se utilizando da palmilha confortável no dia a dia

Balconistas, recepcionistas, diferentes esportistas e pessoas que passam muito tempo em movimento são as primeiras pessoas a sentirem todo o impacto dos problemas da coluna. Porém, o sedentarismo e a falta de prática de exercícios também contribuem para que as costas sintam o peso do prejuízo, principalmente na área da coluna lombar.

Por isso, é sempre importante, sendo você sedentário ou não, saber como cuidar da saúde. E, para isso, basta aliar a utilização de uma palmilha anatômica, de silicone ou de gel, com um sapato mais confortável.

Seu uso ajuda a prevenir lesões das articulações, tendões, joelhos e tornozelos. Feitas em diversos modelos, a palmilha costuma ter a fabricação trabalhada com materiais especiais, que possuem um sistema de amortecimento de impacto com o solo.
Nesse quesito, o silicone é um dos melhores materiais, pois ele melhora a resistência e a capacidade de amortecimento da palmilha para sapato. Por conta de sua maciez e flexibilidade, este é um item ideal para a utilização diária de pessoas que praticam esportes.

Para utilizar a palmilha em silicone da maneira correta, não basta apenas comprar e já ir colocando no calçado escolhido. É preciso também introduzir o acessório para o cuidado com a saúde de maneira gradual.

Primeiro, calce as palmilhas posturais em partes do dia, aumentando o tempo conforme os seus pés forem se adaptando ao acessório.

Palmilha de silicone x palmilha ortopédica

Antes de mais nada, é possível dizer que toda a planilha pode ser ortopédica, entretanto, nem todas fazem o trabalho de ortopedia. Para um melhor entendimento, seguem algumas explicações.

Para prevenir as lesões decorrentes de uma má postura ou de um esforço repetitivo nas pernas, a palmilha de silicone costuma ser bem eficaz. Porém, se o problema já está prejudicando a saúde da pessoa, principalmente na extensão dos membros inferiores, o recomendado é utilizar as palmilhas ortopédicas.

Geralmente, a palmilha ortopédica é um tipo de acessório para os cuidados com a saúde que é pensado e fabricado por profissionais de fisioterapia ou técnicos em ortopedia.

Esses precisam de prescrição médica e são confeccionados de acordo com as características específicas de cada pessoa, junto de avaliações de pisada e postura, além de testes de mobilidade e equilíbrio, que completam o diagnóstico para a fabricação de palmilha ortopédica.

Agora, no caso das palmilhas posturais mais comuns, elas não possuem nenhum tipo de padronização. Cada marca escolhe o próprio modelo, sempre levando em consideração os custos de produção, sem pensar no conforto do usuário.

Um problema que pode gerar muitos outros traumas posturais, essa característica das palmilhas fez com que diversos fisioterapeutas e demais profissionais da área de saúde recomendam se utilizar, nos casos mais gerais, de modelos de palmilha com conforto básico, que buscam se adaptar ao formato do pé e interferir menos no corpo do usuário.

Caso o problema seja algum tipo de desequilíbrio na postura, é possível aplicar uma técnica chamada posturologia, que inclui a utilização de palmilhas posturais sob medida, cujo objetivo é complementar o tratamento de cifoses, hérnia de disco, escoliose e lordose.

Muito além de ser apenas um acessório básico para ser vestido junto de um calçado, a palmilha de silicone é essencial para quem possui problemas de postura ou nas articulações.

Somente por utilizar itens como esses é possível evitar qualquer tipo de intervenção médica ainda maior, como cirurgias e medicamentos.



Compartilhe:

Postar um comentário