Publicidade

Mostrando postagens com marcador empreendedor individual. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador empreendedor individual. Mostrar todas as postagens

Empreendedora tocantinense aposta no delivery para driblar crise do coronavírus nesta Páscoa


Com as medidas de isolamento, a entrega em casa se tornou peça chave para vendas

 
A crise do coronavírus e o isolamento social determinado pelas prefeituras caiu como uma bomba no comércio. As empresas do ramo alimentício -  que estavam preparadas para a Páscoa,  data muito importante para muitos micro e pequenos empreendedores -  tiveram que se readequar para o momento. 
 
Um exemplo é a empreendedora Jenny Barp, que há cerca de 6 anos trabalha com bolos e doces. Para ela, a Páscoa é uma das melhores datas datas do ano. Neste ano, ela como muitos brasileiros estão incertos com o que irá ocorrer. “Realizamos as compras do nosso estoque com uma certa antecedência para garantir melhores produtos e menor preço. Após as compras a crise do Coronavírus chegou. Estamos apreensivos mas estamos nos reiventando para passar pelo momento”, revela. 
 
Entre as inovações para 2020, está o serviço de delivery. A empreendedora  nunca tinha apostado nesse serviço. “Nossos clientes estão acostumados a vir aqui retirar o produto, mas precisamos ter cuidado neste momento. O delivery é bom para a nossa segurança e para o cliente que tem o mínimo de contato com o outras pessoas”, explica.
 
Jenny conta que outras medidas foram adotadas para maximizar as vendas neste momento de grande incerteza econômica. A principal delas, segundo a empreendedora foi a parceria com outras micro e pequenas empresas. "Fechamos parcerias com floriculturas e empresas que fornecem cestas e presentes. Dessa maneira, nosso produto está exposto mais vezes", finaliza. 

Blogueiros, empreendam-se

Blogs com atualizações diárias podem se formalizar como MEI e trabalhar com o governo


No Brasil, existem milhares de profissionais que atuam na produção de conteúdo na web. O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – IBGE, oferece na Classificação Nacional deAtividades Econômicas (CNAE), a opção 5812 – 301, que além de ser aceito pelo Simples Nacional, conforme [ anexo ] - permite o “Editor de Jornais Diários”, eletrônicos ou não, a atuarem no âmbito federal com seus respectivos conteúdos digitais.

A atividade prevista e autorizada pelo Legislativo, EDITOR(A) DE JORNAIS DIÁRIOS (Incluído pela Resolução CGSN nº 117/2014), é prevista pela Receita Federal e está disponível no Portal do Empreendedor Individual.
O levantamento das informações estão disponíveis no site do IBGE, na aba do CNAE, conforme link [ aqui ]. ( 5812-3/01 JORNAIS ELETRÔNICOS DIÁRIOS;).


As informações estão disponíveis nos links grifados acima, com levantamento do IBGE e também do Portal do Micro Empreendedor Individual.

O pequeno empreendedor cadastrado como MEI, em verdade, funciona como uma empresa no que se refere à formalização, possuindo CNPJ e podendo emitir nota fiscal, de forma que, caso você possua a qualificação necessária para prestar o serviço ou fornecer o produto em questão, você pode, certamente, fazê-lo a órgãos públicos.

Publicidade

Publicidade