Dicas de maquiagem para pele bronzeada

imagem: busca google - créditos na imagem


Quando se está bronzeada, a maquiagem é outra. Já pensou usar aquela base clarinha no rosto dourado do sol? Para não parecer uma bonequinha de porcelana fake.

Confira abaixo.

Em geral, pele bronzeada funciona melhor com pouco make, pois o tom dourado já faz as vezes de maquiagem. Outro ensinamento básico é o de dosar a quantidade e a cor dos produtos para não ficar over. Na prática, você até pode usar alguns itens do inverno, como a máscara para cílios preta e o blush compacto, mas com a base e o pó compacto, não tem conversa: eles precisam ser trocados ou você corre o risco de ficar dégradé! 

“Para a pele do rosto acompanhar a nuance do corpo (já que, óbvio, você usa filtro solar alto e bronzeia pouco, certo?), esses cosméticos devem ser um ou dois tons mais escuros do que as tonalidades da sua maquiagem habitual”, diz o maquiador Saulo Fonseca, de São Paulo. Mas os cuidados com o make de verão não param por aí e se diferenciam conforme o grau do bronzeado conquistado. 

Pele branca + sol = rosada 
É fato que quem faz o estilo Nicole Kidman não bronzeia – ganha um colorido saudável. Se esse é o seu caso, a boa notícia é que você pode manter a base de todo dia e fazer o acabamento com pó compacto um tom acima do que você está acostumada a usar. 

Um toque de blush arremata a produção, mas nada de deixá-lo marcado, como estava em alta há duas estações. “Isso já era. A tendência é espalhar o produto na horizontal, indo de uma maçã à outra, passando por cima do nariz, pois esses pontos altos do rosto costumam ficar mais corados”, ensina Saulo. 

Mas atenção: fique com os blushes rosados cintilantes, que conferem um brilho sutil, e fuja dos alaranjados e terracotas, sob o risco de parecer manchada. 

Pele moreno-clara + sol = dourada
O exemplo aqui é a top Gisele Bündchen. Para as mulheres como ela, a base, se necessária, pode ser a mesma do inverno, porém o pó compacto precisa ter efeito bronzeador ou, pelo menos, ser um pouco mais escuro do que o usado no dia-a-dia.

O corretivo se faz necessário e deve ser um tom mais claro do que o do seu bronzeado – só para corrigir as imperfeições sem criar pontos brancos no rosto. 

“Para o blush, tons de rosa-médio e coral-escuro, que são uma supertendência. Melhor ainda se tiverem um pouco de brilho e forem cremosos para uma aparência saudável”, conta Saulo Fonseca. Fique esperta: como esse tipo de pele tem um fundo amarelado, evite cores que acentuam a palidez, como pêssego, alaranjado e terrosos – isso vale para blush, sombra e batom. 

Pele moreno-escura + sol = mel
Quem se bronzeia fácil e rápido, como Jennifer Lopez, deve levar em consideração o tempo de exposição ao sol na hora de fazer a maquiagem: se você passou dias seguidos na praia, melhor adotar uma base dois tons acima da habitual, mas, se não conseguiu ficar mais do que um fim de semana, pode utilizar a tradicional, desde, é claro, que finalize com pó compacto bronzeador. 

Para quebrar a monocromia, um pouco de blush coral ou levemente alaranjado – esqueça os rosados, pois as cores frias não combinam com um look quente, e os opacos, que caem melhor no inverno. 

O mesmo vale para o batom e a sombra: na boca, aplique um batom nude, gloss transparente ou frutal e, nas pálpebras, use as tonalidades que você gosta, desde que não seja verde, malva e azul. 

Compartilhe:

COMENTE!