Cuidados com os cabelos na gravidez / Denise Braga


Olá gravidinhas...
 
Momento especial  e talvez único, esse que vocês estão vivendo. É espetacular acompanhar todas as mudanças corpóreas que enfrentamos no período curto de 9 meses. Algumas grávidas reparam e até gostam das mamas crescidas, do glúteo arrebitado e outras coisinhas positivas. Mas o período gestacional não são só flores, muitas futuras mamães relatam de sua constante luta com o peso, os edemas, da pele e com os cabelos. Hoje vamos amenizar um pouco sua batalha em favor da beleza.
 
Cuidar dos cabelos no período gestacional vai depender muito dos sintomas que a mamãe esta manifestando e pode variar de gestante para gestante. Algumas se queixam que os cabelos ressecaram outras que está super oleoso, umas dizem que cai muito e outras revelam essa queixa como pós gestacional. A sintomática relacionada a beleza é muito variável e inclusive o clima é um propulsor de intensidade.
 
As grávidas podem e devem  tratar os cabelos no período gestacional. Cuidados devem ser observados: ao fazer as mechas ou coloração, aplique soro fisiológico no couro cabeludo para tonifica-lo e formar uma barreira hipoalergênica antes do processo, procure fazer os procedimentos em lugares arejados, use máscara para colaborar com a proteção e beba muita água pois é um carreador natural de toxidades do organismo, se sua gravidez é de risco então é melhor não arriscar escolha um profissional que compreenda e não banalize seus pedidos de cuidados. O bebe sofre se a mamãe sofrer. 
 
Produtos que abusam do extremo de acidez ou de alcalinidade são altamente irritantes quando inalados e devem ser desaconselhados então seu termômetro será o odor exalado por aquela substância se te irritar ... pare.
 
Fazer manutenção das madeixas em casa não é algo confortável já que este é um momento em que o cansaço está presente constantemente. Mas, hidratar é uma prerrogativa. Aqueles que querem manter belas as madeixas e aí vai variar de caso para caso a escolha dos produtos. Estes podem variar entre os emolientes acidificantes ou reconstrutores. O melhor é buscar conselho junto a um terapeuta capilar pois este tem uma visão mais global do seu estado de saúde e pode contribuir mais positivamente e assertivamente.
 
O período pós gestacional deve ser alvo de nossa atenção em torno de 20 dias após o nascimento,  o couro cabeludo  e cabelos devem ser avaliados  e medidas nutricionais e reequilibrantes precisam ser efetivadas e novamente o terapeuta capilar pode ajudar de forma eficaz.
 
Se cedo cuidar, cedo também teremos resultados.


By  Denise Braga
Terapeuta Capilar, autora do livro Manual de instruções - Terapia Capilar
Siga nossas redes sociais e saiba mais.
x_d5db45e

Compartilhe:

Postar um comentário