Testei - Sabonetes Antibacterianos / Protege

Recebi um kit super fofo e completo dos Sabonetes Antibacterianos da Protege - líquidos e em barra. Testei e eis o resultado.
Os sabonetes antibacterianos contém substâncias que eliminam tem micro-organismos da pele.

Pelo kit já imagina que eu amei - uso sempre sabonetes antibacteriano, não sabia bem definir porque usava, mas acho que de vez em quando se tem essa necessidade, uma por morar num local com clima tão seco e outra por Brasília ser a capital da poeira, vai ter poeira assim lá no Cerrado, tá doido. Enfim, acho que bactéria tem em qualquer ambiente onde permite-se circulação de pessoas, animais, carros e etc.
Devemos sim, usar de vez em quando sabonetes específicos com ação antibacteriano.

Testei primeiro o Antibacteriano Cremoso - é bem suave, não deixa aquela sensação de pele seca, como alguns sabonetes com essa ação deixa. Cheiroso e espuma muito bem. A sensação é mesmo de pele limpa.


O antibacteriano Refrescante é bem suave também, tem um cheiro que me fez lembrar o campo, eucalipto, algo assim, e espuma super bem, deixa a pele com sensação de limpeza profunda. 
Esse já achei que não suavizou tanto a pele, mas lembrando que após um banho com sabonete antibacteriano, por ter ação profunda de limpeza, é preciso usar um hidratante suave depois em toda a pele.


Gostei demais das embalagens, adapta bem na mão e permite dosagem certa ao retirar o produto para uso.

Os sabonetes em barra:
Minerais - na sua formula contém ação de 6 minerais e de todos achei o que tem o cheiro enjoativo.
Cremoso - assim como o líquido esse também tem ação refrescante e um cheiro bem agradável.

São ótimos para serem usados em crianças. Testei nos meus sobrinhos e não irritou a pele deles - idade das crianças - 3 a 10 anos.
Embora muitos sejam contra o uso desse tipo de sabonetes, eu ainda tenho minhas dúvidas se eles realmente não são necessários. Não tenho dúvidas de que eles tem uma ação de limpeza bem diferentes dos comuns.

Demais informações:

Conhecidos por matar as bactérias que não são eliminadas com os sabonetes comuns. Ossabonetes antibacterianos contêm substâncias que são capazes de eliminar microorganismos da pele, como alguns agentes, comumente presentes nas fezes humanas, além de muitos outros, responsáveis por infecções urinárias e respiratórias. Porém é muito importante saber o tipo de sabonete que está sendo usado e principalmente o modo correto de usá-lo.

Quando deve ser usado:
  • Os sabonetes devem ser usados em casos de infecções simples da pele, como foliculites, furúnculos, ferimentos e pós-operatórios, e outros;
  •  A ação antimicrobiana controla o aumento dos microorganismos e reduz os riscos de contaminação;
  •  É recomendado que, em todos os casos, a utilização seja indicada sob orientação médica, e nunca por muito tempo de uso.
Como usá-los:
  • Esses produtos não devem ser utilizados diariamente;
  • O uso constante e prolongado pode afetar o equilíbrio das bactérias que são encontradas naturalmente na pele e servem como proteção contra outros agentes, causadores de doenças;
  •  Depois de 15 dias de uso contínuo, a flora bacteriana que protege a pele começa a diminuir, aumentando a chance de infecção por agentes patogênicos;
  •  Para as pessoas com predisposições alérgicas, o uso constante, por vários meses, pode desencadear reações alérgicas.

x_d5db45e

Compartilhe:

Postar um comentário